RECALL DE 1,5 MILHÃO DE BICICLETAS COM FREIOS A DISCO!

um milhão e meio de bicicletas de 17 marcas diferentes, incluindo cannondale, giant, specialized, GT, haro e outras, que usam freios a disco, devem passar por recall em razão dos problemas relacionados às blocagens e seus freios a disco!

imagine a cena: você está descendo uma ladeira pedregosa em sua mountain-bike. repentinamente a blocagem abre, e a alavanca da blocagem aberta, engata no rotor, travando a roda dianteira, e você então vê catapultado da bicicleta.

é um acidente seríssimo, podendo até levar à morte.  e factível. tanto que 17 marcas de bicicletas, que listo logo abaixo, estão fazendo recall de suas bicicletas produzidas entre 1998 e 2015 que apresentem essa possibilidade. note que o vídeo acima tenta mostrar a você se isso pode acontecer à sua bicicleta, com um teste simples, com um lápis.

diagrama mostrando o problema

diagrama mostrando o problema

veja se você tem alguma bicicleta com freios a disco destas marcas abaixo:

  • Access
  • Breezer
  • Cannondale
  • Civia
  • Diamondback
  • Felt
  • Fuji
  • Giant
  • GT
  • Haro
  • Jamis
  • Novara
  • Norco
  • Raleigh
  • Ridley
  • SE Bikes
  • Specialized

se sim, e ela tem freios a disco na roda dianteira, e blocagens, faça o teste previsto nesse site – em inglês, francês ou espanhol.

mas note que o recall é chamado nos e.u.a., mas isso não impede que você vá ao fornecedor brasileiro e peça a substituição da blocagem po ruma mais segura, caso sua bicicleta se enquadre nesse recall.

não perca tempo, e não corra riscos. faça o teste, procure a garantia, e mesmo fora da garantia, procure o fabricante ou importador, ou representante oficial da marca no brasil. não corra riscos, isso é muito importante. acesse o site do link acima e veja mais informações. e evite um acidente muito sério.

9 Respostas para “RECALL DE 1,5 MILHÃO DE BICICLETAS COM FREIOS A DISCO!

  1. Há muitos anos atras comprei uma mesa Syntace (made in Germany) nos USA que deu recall, e o lojista americano me enviou uma carta me informando do problema. Liguei para o importador nos USA e ele me enviou uma nova e pediu que eu destruísse a mesa problemática. Será que essa turma vai agir assim?

  2. Rogério Camargo Graciano

    Para resolver o problema sem trocar a blocagem, não daria para mudar o lado da blocagem. Invertendo o lado da orelha da blocagem!! Colocando a blocagem pelo outro lado, assim se abrir a blocagem ela não trava no disco…

  3. essa noticia é meio sem noção. das marcas listadas, acho que só a specialized fabrica essas peças. As grandes marcas fabricam basicamente quadro e garfos. os componentes são de mercado. Qual a marca do blocante referido?

    • Os fabricantes são responsáveis pelos componentes que usam. Favor consultar o link no texto para maiores informações.

    • Eduardo, é provável que estas marcas comprem os blocantes do mesmo fabricante, no modo OEM para a montagem de suas bicicletas, além da possibilidade deste modelo de blocante ser vendido avulso no mercado.

      O problema ali vem do formato e principalmente do ângulo de abertura delas, que pode abrir acidentalmente e “engatar” no disco de freio, travando a roda e jogando o ciclista longe.

      O vídeo indica inclusive que os blocantes devem ser ajustados para fechar com certa pressão, se conseguir fechá-lo apenas com a força dos dedos, essa pressão é insuficiente e aumenta o risco dela abrir acidentalmente (seja com vibrações, seja um enrosco com um pequeno galho) .
      Com a pressão de fechamento correta, será necessário usar a palma da mão sobre a alavanca, e ao fechar, ficará uma marca na palma da mão.

      O teste é o seguinte: a alavanca do blocante, totalmente aberta, deve ter espaço suficiente para você passar um lápis entre ela e o disco. se o espaço for menor que isso ou a alavanca encostar no disco, é ideal substituir a peça.

  4. Nem todas as bicicletas são afetadas, eu acredito. A minha GT é de 2013 e tem a blocagem mostrada bem no início do video.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s