ciclistas esportistas e bicicletas

lance armstrong numa caloi. e não é montagem.

de vez em quando algum competidor vira marca de bicicleta, ou de peças. não é de agora. tulio campagnolo era competidor, e passou a produzir peças. isso no começo do século XX.

mas, de lá pra cá, de vez em quando algum competidor ou licencia seu nome como marca, ou vira fabricante. não é difícil, muitas vezes só quem anda no limite tem o insight do que pode ser melhorado. um exemplo recente foam as inovações de graeme obree, mas esse assunto merece alguns posts exclusivos.

mas podemos citar alguns exemplos, não exaustivos.

eddy merckx. o melhor ciclista de todos os tempos também produz bicicletas soberbas. a ponto de a caloi certa vez ter encomendado bikes a ele, que, inclusive, foram usadas por lance armstrong. há fotos antigas de lance armstrong pedalando caloi, mas não se engane, é caloi by eddy merckx. eddy merckx é uma lenda: um barão belga que se tornou um mito no esporte. na bélgica é até nome de estação de metrô.

tom ritchey. o americano foi um dos pioneiros do mountain biking. em pouco tempo estava produzindo peças específicas para essa modalidade, que tinha necessidades especiais. peças que, aliás, são sempre de muito boa qualidade.

gary fisher. esse cara, junto com seu companheiro de quarto charlie kelly, em cima da schwinn excelsior de 1930, fizeram a primeira mountain bike. é, é um dos pais desse tipo de bicicleta. as primeiras 160 foram vendidas em 1979. os quadros eram produzidos por tom ritchey, citado aí em cima. só isso o colocaria na história do ciclismo mundial. mas não parou por aí. hoje tem muito mountain-biker entrando na onda das aro 29. advinha quem inventou? em 1993 a gary fisher foi comprada pela trek, e gary fisher, o cara, continuou por lá.

tulio campagnolo. inventou a blocagem. inventou câmbios. aperfeiçoou cubos. sua empresa produz até hoje as mais perfeitas peças para bicicletas de estrada. um grupo campagnolo super record tá na minha listinha de desejos. é só a mega sena sair.

greg lemond. lenda do ciclismo, primeiro americano a vencer um tour de france. inventor de guidões experimentais que abriram novos caminhos na aerodinâmica das bikes, e num tour de france (em 1989) mostrou que aerodinâmica, ao menos nos contra-relógios, é tudo. tirou uma diferença de 50 segundos do então camisa amarela, fignon, e botou mais 8 segundos em cima. ninguém venceu um tour de france por uma margem tão apertada. durante um tempo produziu bicicletas junto com a trek. o contrato foi defeito. mas uma lemond é uma estradeira com geometria especial, muito confortável. seria a bike de alumínio que eu usaria num audax.  minha amiga verônica tem uma, que só tem um defeito: é pequena pra mim, senão já tinha furtado… hehehehe

tem mais gente, mas coloco num outro post.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s